26.7.12

Comer carne faz homens se sentirem mais “machos”

Responda à pergunta: comer um bife sangrando parece mais coisa de homem ou mulher? E devorar uma barra de chocolate? Pois é. Foi com perguntas como essas que alguns pesquisadores americanos perceberam a relação entre a carne e o mundo masculino.

Eles queriam entender por que homens, geralmente, comem menos vegetais do que as mulheres (não, não tem nada a ver com dieta). E a pesquisa concluiu que, para eles, comer carne parece mais coisa de homem do que pedir uma saladinha.

Para comprovar, mais de 300 alunos classificaram 23 comidas, numa escala de 0 a 10, como femininas e masculinas (0 era “nem um pouco [feminino ou masculino]” e 10 “extremamente”). E adivinhe? O bife mal passado foi eleito o rei das comidas masculinas, seguido por hambúrguer, bife bem passado, carne moída com chili e frango. No mundo feminino, o primeiro lugar ficou com o chocolate, óbvio. Depois apareceram pêra, salada de frango, sushi e frango.

Em outro teste, os alunos leram descrições sobre meninos e meninas, incluindo os hábitos alimentares de cada um deles. E, para eles, quem comia carne bovina parecia muito mais macho do que quem comia peixe ou só vegetais.

Mas isso é herança dos nossos antepassados. Quando precisávamos da caça para sobreviver eram eles, os homens, que cuidavam da tarefa. Logo, a carne era associada aos machos fortes e guerreiros da tribo.

A publicidade também dá uma mãozinha para manter essa relação. Já viu algum comercial de carne, tipo aqueles sanduíches com três hambúrgueres e bacon, ser estrelado por uma mulher? Mas se a ideia é vender a nova salada, aí tudo bem convidar uma atriz.

Mas a gente nem precisa mais caçar um bicho para poder comer carne. É 2012 e não há mal nenhum em um bife dividir espaço no prato com uma salada. Seja você um homem ou uma mulher.

(Essa foto acima é com o Gary Mason, um ex-boxeador que morreu no ano passado)

Crédito da foto: gettyimages


Ctrl+C: Superinteressante

Um comentário:

Letícia Uequed disse...

Não li tudo, mas eu entendi. legal.