22.6.12

Coisas que um gaúcho fala... Em São Paulo

Original: "Chê! Tu viu a pechada que deu ali em cima da lomba, na sinaleira?"
Tradução: "Mano! Você viu o acidente que aconteceu ali em cima na ladeira, no farol?"

--------------------------------------------------

O chefe trabalhando concentrado em algo...

"Chefe, eu sei que tu tá atucanado aí, mas precisava conversar..."
"Atuca o quê?" - Chefe perdendo toda concentração no trabalho

--------------------------------------------------

Termômetros marcando 15º

Paulista: Mano! Tá muito frio hoje, cê num tá com frio naum?
Gaúcho: Chê! Tu tinha que ir pro RS no inverno, aí tu ia ver o quê é frio de renguear cusco! Hoje tá bom pra lagartear e comer uma bergamota.

Paulista até hoje não entendeu a frase.

--------------------------------------------------

Paulista: Bom era quando o dólar era R$1,20
Gaúcho: Mas faz muito tempo... Nessa época 10 Cacetinhos eram R$1,00.
Paulista: Vocês se vendem barato ein gaúcho.

--------------------------------------------------

Antes de entrar na padaria o gaúcho pensa "Pão francês, pão francês, pão francês..."

Chegando no balcão o gaúcho diz: "Me vê 10 cacetinhos!"

Final bom: Gaúcho apanha.
Final ruim: Padeiro abre uma portinha e convida o gaúcho pra entrar.

---------------------------------------------------

Paulistana 1: "Quer comer uma mexerica?"
Gaúcho: "Opa! Claro!"

Após a paulistana 1 trazer uma bergamota para o gaúcho, ele olha triste e faz uma cara de "ah, é isso?"

Paulistana 2: "Ué, pensei que cê queria a mexerica."
Gaúcho: "É que eu não sabia que a mexerica era uma tangerina."
Paulistana 2: "Você pensou que era o quê?"
Gaúcho: "A guria vem e me oferece a mexerica dela, é claro que eu vou querer comer."

--------------------------------------------------

Gaúcho e paulistana, abraçados esperando o ônibus. Hoje os dois não vão dormir juntos, vai cada um para a sua casa.

Paulistana: "Quando chegar em casa, vou bater uma chepa!"

O gaúcho se afasta imediatamente com cara de assustado!

Gaúcho: "Mas tudo isso é vontade de mim, guria?"

Um comentário:

Letícia Uequed disse...

espero trazer histórias assim qnd eu for!